sexta-feira, 26 de agosto de 2011

Profeta

Sei que vejo
castanhos
olhos azuis.
Sei que desejos
uivantes
não têm
zêlo algum.
Não sei
de verdades que não vivi
e nem de mentiras
que não
desenhei.
Sei das coisas
que fiz,
e também das que
deixei.
Sigo, pois,
tudo sabendo,
com meu único aliado
sendo
o simples não saber.
Sei que de pudor
eu não dependo,
que do teu corpo
eu sempre lembro,
que no teu gozo
eu vou
morrer.


Fabiano Martins.

9 comentários:

  1. "Sigo, pois, tudo sabendo, com meu único aliado sendo o simples não saber."

    Eu também. Eu também.

    Beijos.

    ResponderExcluir
  2. muito bonito o que escreveste, parabéns

    ResponderExcluir
  3. Hey... tu vistes meu email* (aqui não tem interrogação, desculpa...)

    Eu te respondi, tá*

    Beijo.
    Mima

    ResponderExcluir
  4. deveras senti o escrito!! não desista, tem em si a poesia na alma, dentro""


    abraço

    ResponderExcluir
  5. Vim retribuir tua visita no meu Blog.Já me instalei vou te seguir.Bom final de semana com muita beleza na alma.Forte abraço Eloah

    ResponderExcluir
  6. Mima,
    Vi seu e-mail, vou te responder.
    bjs

    Simone,
    Obrigado pelo carinho!

    Analuz,
    "um poeta não se faz com versos. É o risco. É estar sempre a perigo e sem medo" persigo essas palavras. Não desistirei. Obrigado pelo teu incentivo. Bjs

    Sandra,
    Obrigado pela tua contribuição. Que bom conseguir te cativar! bjs

    Eloah,
    Seja muito bem-vinda!

    ResponderExcluir
  7. Ola amore, obrigada por sua visita!

    Frações de sentimentalidades, me deixam louca!!!
    Pulo do abismo com os olhos fechados, o coração pulsando e um grito na voz.
    É assim que gosto de viver.
    Passe lá no blog,quanto mais comentar, mais aumenta suas chances em serem sorteados, pois o sorteio será feito através dos comentários! você pode ser contemplado por um autor plus! autor "Plus", é aquele que disponibiliza duas obras para o mesmo sorteio; ou seja, aquele que foi contemplado por um autor plus, indicará, no blog, O clube dos novos autores, a pessoa que este gostaria que fosse contemplado com esta outra obra, seja quem o indicou; seja um amigo...

    Beijos! 

    ResponderExcluir
  8. "Sigo, pois,
    tudo sabendo,
    com meu único aliado
    sendo
    o simples não saber."
    .
    .
    EXCELENTE percepção do 'porvir', a profecia da realidade... Muitas leituras de mundo e paradigmas contidos nesse poema. Parabéns, gostei muito!

    ResponderExcluir